Quem sou eu

Minha foto
Mulher feminina autentica, Não tenho a intenção de me esconder somente não vou me poupar de palavras .

sexta-feira, 23 de abril de 2010

Solidão

É na solidão que sinto a vantagem de saber pensar seria triste olhar no espelho e não me encontrar, se eu não soubesse inspirar minha mente com palavras me sentiria isolada de mim mesma.
Só me permito à solidão vez ou outra e para adquirir força na solidão ficamos cientes que na vida enfrentamos tempestades quem nunca esteve na solidão não saberia enfrentar um vento forte e é na chuva que a solidão se faz purificadora.
Solidão me inspira me ensina a evoluir a entender o silencio e mesmo assim a não me sentir só, pois minha essência ilumina meu viver.
"Há um silêncio dentro de mim.
"E esse silêncio tem sido a fonte de minhas palavras"
(Clarice Lispector)

35 comentários:

António disse...

Eu procuro no meu silêncio a inspiração de novos sonhos...

Beijos
António

Alguém... disse...

Solidão...se desejada é boa, não desejada torna-se triste.

Beijinho *

Omar Talih disse...

Há muitas maneiras de se sentir na solidão. Algumas são benéficas, mas estar solitário com alguém ao seu lado, não é nada agradável.
Grato pela visita.

Everson Russo disse...

A solidão é louca...ela conta tanta coisa pra gente,,,é fiel...verdadeira....beijos de bom final de semana.

Fabrício Santiago disse...

Olá, desculpe invadir seu espaço assim sem avisar. Meu nome é Fabrício e cheguei até vc através Um Lugar ao Sol Perto do Vento, da Ju Fuzetto. Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir meu blog Narroterapia. Eu sei que é um abuso da minha parte te mandar essa propaganda control c control v, mas quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. Estou me aprimorando, e com os comentários sinceros posso me nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs



Narroterapia:

Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.


Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.


Abraços

http://narroterapia.blogspot.com/

il monticiano disse...

Vengo a trovarti con vero piacere e mi sono permesso di inserirmi tra i tuoi sostenitori e di inserirti tra i miei.
Purtroppo parlo e scrivo, neppure tanto bene, soltanto l'italiano.
Ciao,
aldo.

Guernica disse...

Ciao!:)
Buon fine settimana!
Poi tornerò con calma a tradurre quel che hai scritto ;)

Everson Russo disse...

Uma bela semana pra ti amiga...beijos.

A.S. disse...

A pior das solidões é aquela que sentimos, apesar de acompanhados!


BeijOOO
AL

Renato Hemesath disse...

Olá!

Achei muito interessante a proposta do teu blog, aborda uma das coisas que mais me interessam: o discurso do sujeito, onde encontramos a expressão de seu sofrimento, seus fantasmas.

Concordo com o que disse no post, afinal a solidão também nos mobiliza a rever valores.

Seja sempre bem vinda ao Cine Freud! ;D

Abraços

poeta do inverno. disse...

todos nós somos solitarios, desde o ventre da nossa mãe, nascemos solitarios e morreremos solitarios, pena que não sabemos viver com a solidão.

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga.

Hoje a minha visita é para agradecer.
Nestes dias que celebro a minha vida,
tenho certeza de que a mesma
não teria o brilho de hoje,
se não fossem os amigos e amigas
que a tornam valiosa
mesmo que distantes.

A ti gostaria de dizer obrigado:
Obrigado pelas visitas ao meu blog.
Obrigado pelas palavras semeadas.
Obrigado por sentir os meus textos
com os olhos do coração.

Sou eternamente grato a vida,
por mais estes presentes
que de modo gentil
deixas em minha vida,
fazendo de mim uma pessoa melhor,
e pleno de felicidade.

Lindos dias de vida para ti.

Psiquismo Desmistificado disse...

Olá amiga,
Nunca estamos totalmente solitários, não é mesmo!!
Como já disse Lispector, o silêncio interno não é assim tão silencioso.
Gande abraço

Robson Schneider disse...

Adorei o visual do seu blog e o clima dele.
Acho que não somente a solidão,mas tudo o que vivemos nessa vida gera anticorpos importatissimos pra novas etapas.
Bjo

Everson Russo disse...

Uma semana cheia de carinho e paz a ti amiga...beijos.

Flavio Ferrari disse...

Nascemos, vivemos e morremos sós, mas é muito melhor quando o fazemos em agradável companhia ...

Luiz Caio disse...

Oi, Como vai?

Solidão pra mim também é isso!

Belíssima definição... Coisa de gênio mesmo!

Quanto, a dor de não saber sentir dor, entendo o que você disse e também concordo com a sua frase.

Mas, no caso lá do texto, a dor eu sinto, apenas não pretendo demonstrá-la, e menos ainda, proporcionar os meios para que ela permaneça!

Gostei do seu comentário, gostei do seu blog... Tudo muito lindo!

TENHA UMA LINDA SEMANA!

Beijos

José Sousa disse...

Gostei do do seu blog, vou continuar a ser seu seguidor. Consulte os meus, divulgue e deixe o seu comentário. www.congulolundo.blogspot.com
www.queriaserselvagem.blogspot.com
Um gr. abraço.

Insana disse...

Antonio
Eu procuro o silencio que grita em mim..

Bjs
Insana

Insana disse...

Alguém
Nem sempre temos o que desejamos, basta lidar com que temos..

Bjs
Insana

Insana disse...

Omar
As vezes temos a pessoa errada a nosso lado e nos sentimos mais sozinhas ainda.

Bjs
Insana

Insana disse...

Everson

Na solidão eu escuto o som de meus sentimento

Bjs
Insana

Insana disse...

Fabrício
Pelo que vejo sua caminhada foi linda., grata pela visita.

Bjs
Insana

Insana disse...

Monticiano
Grata pelas palavras ...

Bjs
Insana

Insana disse...

A.S.
Tem pessoas com um poder de nos sugar e assim tirar o tantinho que temos de nos mesmos.

Bjs
Insana

Insana disse...

Renato
Grata pelas palavras
Realmente estou separando o que tenho o que posso ter.

Bjs
Insana

Insana disse...

Poeta
A solidão é doce quando vivemos em companhia amarga

Bjs
Insana

Insana disse...

Aluisio
Lindo seu poema

Bjs
Insana

Insana disse...

Psiquismo
Grata por me trazer as doces palavras de Lispector.

Bjs
Insana

Insana disse...

Robson
Fiz um cantinho bem rústico algo onde meu grito possa ecoar e meu sussurro pode ser ouvido.

Bjs
Insana

Insana disse...

Flavio
A vida é bem isto
Temos que nos amar para quem sabe ser amados

Bjs
Insana

Insana disse...

Luiz
Grata mais não sou gênio. Somente uma alma repleta de essência.

Bjs
Insana

A.S. disse...

Vim reler-te, rever-te... e deixar um beijo!

AL

Daniel Savio disse...

Interessante, mas me lembrou uma postagem de uma blogueira, não qual falava sobre que um filosofo grego usava o barulho das ondas mar para treinar o timbre da voz para fala a assemblia, ai eu disse que mesmo sendo um lugar de alto barulho, nos permite ficar em silêncio em nós mesmos...

Fique com Deus, menina Insana.
Um abraço,

Fernández disse...

Gostei da tua forma de escrever, de falar da tristeza poeticamente...
bravo!!