Quem sou eu

Minha foto
Mulher feminina autentica, Não tenho a intenção de me esconder somente não vou me poupar de palavras .

sexta-feira, 25 de junho de 2010

Decepcionada

O amor perguntou ao ódio. Por que me odeia tanto??
.....E o ódio respondeu. -Porque um dia te amei de mais.

Hoje escrevo em uma "Dor" anunciada no fundo de mim sempre soube... Porem era tão triste acreditar que eu preferia ficar na fantasia da terra mágica, mesmo assim na hora da chama veio à tristeza que será somente mais uma pedra em meu caminho pedra esta que não me fará desistir “De mim” eu optei por perseverar (teimar).

Quem mandou eu passar pela aquela terra onde palavras eram apenas sonhos em que nas curvas tortas eu me perdi foi esquecendo do mundo ate de mim, era tanta sobrecarga que tinha perdido minha alegria.

Tola eu teimei em continuar sonhando com o encanto tinha medo de ser vista como fracassada busquei em mim tudo que podia dar e fui ficando sem nada, pois nada tinha em troca e mesmo assim demonstrei a cada dia meus sentimentos mesmos que tenha sido tão desperdiçado eu assumir meus riscos.

Quando já tinha sido sugada fui largada na fronteira do tudo ou nada o medo de ter as portas eternamente fechadas me manteve calada Por dentro caída sofrendo com os olhos afogados em lagrimas; Por forra de pé sorriso no rosto.

Tento entender por que ainda esperava na tristeza do seu adeus a saudade sempre foi sem fim na verdade era por que ainda gostava da idéia da magia, não queria aceitar que o sonho havia morrido e eu teria que seguir. Aqueles poemas que fiz recordava-me do que minha razão sempre dizia para esquecer e eu ficava em lagrimas distraíndo a tristeza ignorando quem sempre me ignorou. Os poemas que fiz nunca mais vou ler assim sem acordar minhas lembranças vou sorrir por esquecer. Vou dar espaço para a luz.

Sabendo que fiz de tudo se ouve fracasso este não foi meu.
.....Quando perceber que te esqueci lembre-se que já pensei muito em ti.
...........Quando sentir minha falta lembre-se dos dias que sempre estive aqui.

31 comentários:

Pistoleiro Corvo disse...

nada passa pela nossa vida a toa. Porém, infelizmente hoje em dia, no mundo catastrofico que vivemos, decepção é algo a se acostumar.

Muito bom. Abraços!

tossan® disse...

Dar um espaço para luz. Gostei disso! Lindo o teu sussurro. Beijo

Machado de Carlos disse...

Ah! O amor! Esta palavrinha inexplicável, quando ela deixa de ser palavra e passa a ser sentimento. Não deveria existir a palavra amor, e sim somente aquela coisa de emoção, aquela emoção que nos liga uns aos outros. Aquele momento de emoção que nos bate profundamente o coração. Entretanto o ódio também faz parte, mas só que o ódio é o ódio em estado irascível.

Jorge Pimenta disse...

sobre as considerações acerca do amor e do ódio: se bem o entendo, ainda mais o sinto...
belo espaço, este.
um beijinho!

OutrosEncantos disse...

E você ainda se contorcendo na dor, que às vezes custa tanto a passar. Amor e ódio são dois sentimentos que sempre nos estão rondando e sempre que acontecem em simultâneo é mais um aprendizado.
Mas você diz muito bem: "Vai dar espaço para a Luz".

Obrigada pelo carinho la no meu sítio,
Bj.

Alan Raspante disse...

Um verdadeiro sussurro com garra de grito.
A vida é assim, impossível sua compreensão.
Raspante.

Pena disse...

Olhe, Estimada e Simpática Amiga:
Não fique decepcionada. Possui uma sensibilidade admirável.
OBRIGADO por toda a sua simpatia e amabilidade gigantes.
Escreve com encanto e delícia.
Beijinhos de pura amizade sincera.
Sempre a respeitá-la e a considerá-la pelo talento e simpatia que irradia.

pena

Bem-Haja, amiga!
Lindo, o que escreveu. Perfeito.

SAM disse...

Que texto! Maravilhosamente bem escrito. Passa todo o sentimento para o leitor. Parabéns, Insana.

Decepção é tudo mais e meio que assim... O que importa agora é realmente " dar espaço para a luz".

Obrigada pela visita e comentário. Beijos, com carinho.

Viviane Moraes disse...

Susurro pedindo um forete grito..
Sei bem como é o amor as vezes nos decepciona...

To te seguindo, gostei do seu blog..
Bjs.

poetaeusou . . . disse...

*
a decepção,
é a força motriz,
que faz reiniciar
a reconquista da luz,
no espaço da via láctea !
,
conchinhas,
deixo,
*

Vozes de Minha Alma disse...

Prezada poetisa...
Mas ficará com certeza as lembranças... Ficará registrado na história de tua vida, que tentaste de todo teu coração!
És uma vitoriosa, ó poetisa, embora com um gosto amargoso da saudade doída...
Ah poetisa... Tu foste sim, agraciada... Senti isso quando li cada versinho de teu pranto magoado...
Bendita e sublime alma de poetisa!
Bjs minha amiga Insana, até breve.

Arnoldo Pimentel disse...

Muito lindo seu blog, parabéns pelo texto, já sou seguidor.Bjs

Hod disse...

Estou serioS PROBLEM naS contfigurações do teclado.
Catando aS LETRAs. Copi ando e colando palavras.
Voltfo + tfarde.

PerguntamoS onde oS horizonteS, Estavam...
Bjs neo amiga Insana.

Felina Mulher disse...

Insana.
de repente encontrei um blog onde me vi em tuas palavras...texto delicioso de se ler.
Obrigada pela visita,hj deixei um texto ,mas precisamente uma carta para Deus, pois precisarei me ausentar por uns dois dias para uma cirurgia...te vejo por lá;

Um beijo.

Fê-blue bird disse...

Quem não consegue amar assim, não vive, vegeta.
Sempre achei, que mais vale viver um grande amor, mesmo sofrendo depois, do que nunca ter conhecido esse sentimento avassalador.
Agora só há um remédio, amar de novo!
Beijinhos

*lua* disse...

Um amor vivido como sonho, é sempre muito valioso para aquele que sonhou, pois prova que dentro dele existiu a magia da vida, apenas foi para alguém que partiu, mas o teu sonho alimente, pois um dia não será levado e sim espetacularmente compartilhado!
Minha flor que bom escolheste a luz!
beijo

Everson Russo disse...

Beijo de bom dia pra ti amiga...

Ju Fuzetto disse...

Tú falastes por mim!!!

Que texto lindo!!

boa semana flor
beijos

Dois Rios disse...

As dores nos fortalecm e nos tornam mais sensíveis e atentos ao próximo passo. Todas as agruras são bagagens que levamos estrada afora, ainda que, muitas vezes lançamos mão do retovisor da vida.

Beijo,
Inês

A.S. disse...

Querida... a vida é um permanente turbilhão de sentimentos e emoções!...


Beijosss
AL

Sandra Botelho disse...

Essa mistura de sensações é que nos faz humanos...Decepção temos a todos os momentos, resta aprendermos com ela.
Bjos achocolatados

Por que você faz poema? disse...

O amor e o ódio
caminham de maos dadas.

Srtª Vihh disse...

Oieeeee
Hoje seu post foi mais que um sussurro, menos que um grio, perfeito, flor!
se cuida

Por que você faz poema? disse...

O amor e o ódio caminham de maos dadas.

Guto Gullzar disse...

Insana muito oriado pela visita e desculpe a demora em voltar é pq estou com uma nova série de exercícios na academia e isso tá tomando muito o meu tempo, mas logo logo isso vai acabar e terei mais tempo pros blogs queridos!!
E essa despedida do texto foi tocante de verdade...muito bom seu texto!!
Te sigo!
See!

Dil Santos disse...

Insana, menina tu tá bem?
Esses são sentimentos que sempre estarão próximos do outro.
Belíssimo como sempre.
O amor pra mim é sempre leve, ao menos procuro deixá-lo assim.
Bjão menina

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga.

Palavras que nascem da dor,
trazem em si uma beleza única,
pois sem disfarces
se revelam a quem as lê,
na sua mais completa plenitude.

Dias de paz para ti.

Alguém... disse...

não há receita, o querer e a força para, está em nós.

Do odio ao amor há um fio quase que invisivel*

Beijinho querida*

Guará Matos disse...

São so conflitos maniqueistas.
Apenas vamos vivendo...vamos nessa!

Bjs.
____
Lindíssima, você tem twitter?
Se tiver, podemos nos seguir?
O meu é : GuararemaMatos

Muito mais beijos.

Daniel Savio disse...

Sabe, realmente temos um dom de reconstruir, então que quando a vid nos faz vacilar, que tenhamos força para reconstruir o nosso caminho para a felicidade...

Fique com Deus, menina Insana.
Um abraço.

Paula Barros disse...

A magia que nos traga, que nos enebria, que nos faz sentir, escrever, sonhar...pode ser a mesma que nos envolve na decepção.

Saber sair de dentro de nós mesmos, do envolvimento da magia, fortalecidos, é imprescindível.

beijo