Quem sou eu

Minha foto
Mulher feminina autentica, Não tenho a intenção de me esconder somente não vou me poupar de palavras .

domingo, 24 de outubro de 2010

Ausencia

Estive ausente por uns dias longe de tudo e um pouco mais perto de mim, estranho como o ar puro faz bem, o sol é quente e a lua ilumina.

Eu só sentir o efeito desta ausência no caminho de volta, quando meu corpo relaxou e meus olhos só tinham a estrada, neste momento lembrei que ate sentir saudades mais uma saudade triste do tipo que o reencontro não seria de alegrias, foi em uma noite em q estava frio já tinha tomado um chocolate quente e estava lendo meu livro algo ali me lembrou aquela pessoa e eu suspirei, pensei e a saudade triste me veio.

Eu percebi que eu não precisava lamentar a falta do que não se fazia presente, que era só uma parte de mim como se fosse a ausência do que eu tinha tentando buscar no que teria.
Que aquele Sol quente me aquecia bem mais do que os braços de quem não me abraçava e que a Lua iluminava bem mais do que as palavras de quem nada me dizia. Neste momento eu sentir a dor de não sentir a ausência.

A ausência apaga as pequenas paixões e fortalece as grandes
François La Rochefoucauld

38 comentários:

AC disse...

A experiência da aprendizagem das coisas diz-nos que às vezes uma aparente fraqueza dá origem a convicções maiores.

Beijo :)

Doce Melodia disse...

Ah, que lindo e profundo, Insana... essas coisas da alma, da vida, dos detalhes de dentro da gente me encantam...

;*

Álly

Andradarte disse...

Blog lindo....tem de continuar....
Beijo

Borboletas nos Olhos disse...

"Meus olhos só tinham estrada". Que liiiiiiiiiinnnndddooo!

Alguém... disse...

sempre com palavras sábias*

Guará Matos disse...

Sua ausência rasgou-me de saudades!
Quem bom vê-la de volta e tê-la também.

Bjs.

Tatá disse...

vce disse muito sabia? A ausencia nos faz perceber o que é realmente importante em nossas vidas!
Achei lindo. *.*

Phoenix disse...

"Neste momento eu sentir a dor de não sentir a ausência." lindíssimo insana..dos melhores que já li teus. beijo**

Daniel Savio disse...

Infelizmente, as vezes o fim é única forma de se garantir a felicidade...

Fique com Deus, menina Insana.
Um abraço.

Lua Nova disse...

Há ausências que ocupam muito espaço assim como o distanciamento às vezes é problema e, às vezes, solução.
Beijokas, moça.

Confissões de uma borboleta disse...

Ausências e saudades...
De volta aos versos.
Bom domingo.
Beijos

Sonhadora disse...

Minha querida
Um texto de procura do teu EU profundo, por vezes temos que nos afastar de tudo para nos encontrar-mos .

A ausência apaga as pequenas paixões e fortalece as grandes.

Pura verdade, quando a paixão é grande podemos fugir de nós, mas não do coração.

Deixo-te um beijinho
Sonhadora

afonso rocha disse...

Neste momento estou sofrendo demais por ausência...e talvez faça algo idêntico que você fez.
Porque o ar puro faz bem...o sol é quente e a lua ilumina...

Beijos

Aleatoriamente disse...

Lindo esse texto.
Bonito carregar amor assim.

Beijinho.
Fernanda.

romantic disse...

amiga tbm estive ausente,doentinha mas ja voltei,saudades de te ler um bjo boa semana!

A Magia da Noite disse...

a natureza será sempre o berço da nossa origem, senti-la é perceber que pouco mais nos falta que o Sol para nos aquecer.

Luna Sanchez disse...

Às vezes só precisamos mesmo dar espaço para que as informações se processem, nada mais.

=**

ℓυηα

Holly disse...

Belo texto,
senti saudades dos seus belos textos.
Mas realmente é verdade só sentimos falta quando perdemos.

J Araújo disse...

Concordo com vc. Existem momentos que precisamos voltar pra dentro de nós mesmo e sentir a grata satisfação da existência.

Lamentar em certos momentos somente aumenta nossa angustia e sofrimento.

Lindo texto, também vindo de voce somente coisas maravilhosa assim podemos esperar.

Bjs

Feeling what the other feels disse...

Ausentar-se de nós, as vezes é necessário Insana querida. Eu faço isso periodicamente.
Uma ótima noite pra ti. Bjs.

*lua* disse...

Taí ... uma poética e brilhante visão do que sempre existiu, mas agora está mais radiante, no lugar de algo que talvez nunca tenha existido! Aaadoreeei! Beijo Menina

•*♥*• Sanzinha •*♥*• disse...

Ausências sempre trazem silêncio e reflexão. Às vezes, até mudança de rumo.

Beijo grande!

intervalo disse...

Gostei,especialmente desta frase...


Neste momento eu sentir a dor de não sentir a ausência.


Beijos,minha querida.


Lia...

Valter Montani disse...

Bom dia minha querida!

No silêncio de uma ausência ouve-se a voz da saudade aconselhando-nos a esperar e os gritos da razão nos incentivando a prosseguir.

"Na suavidade das cores e textura de uma flor
que com delicadeza espalha seu aroma sedutor,
manifesta-se de forma natural uma mágica beleza
encontrada igualmente nos seres plenos de amor."

Valter Montani

Majoli disse...

Oi querida, ausência, muitas vezes se faz necessária para reflexões interiores.
Entendo bem disso.

Beijos.

Arnoldo Pimentel disse...

Lindo e solitário seu texto, parabéns e tudo de bom pra você,beijos.

Fernand's disse...

eu aprendi a seguir, mas ainda sinto muita falta. inevitável.



bjs meus

Vanderson disse...

Que texto lindooo!
Abraçooooo!

Brisa disse...

É um texto muito lindo.Tem frases lindas.....
Beijo

Aмbзr Ѽ disse...

somos vitimas dessa palavra de alguma forma... ausencia.

http://terza-rima.blogspot.com/

Juci Barros disse...

Absolutamente lindo!
Beijos.

Estrela Cadente de Sonhos ★ disse...

que palavras lindas :$ desculpa a invasão :$

já agora passas no meu cantinho de sonhos :

www.um-amor-incompleto.blogspot.com

Obrigadaaa :$

Amor feito Poesia disse...

O amor pode florescer
e dar frutos ou florescer
e perfumar a saudade...

Valquiria Cordeiro

BOM FDS e Beijos Meus!M@ria

Paula Barros disse...

Não adianta presenças ausentes. É melhor uma ausência, onde nos encontramos nos encantos da natureza. Onde estamos preenchidos de nós mesmos.

abraço.

Daniel Savio disse...

Espero que esteja bem...

Fique com Deus, menina Insana.
Um abraço.

Juan Moravagine Carneiro disse...

Senti falta da intensidade de suas palavras...

abraço

Salete Cattae disse...

É tão triste quando sentimos falta de alguma coisa.

bjs

Priscilla Marfori... disse...

Já estava com saudades daqui, o clima romantico e intenso! Com sabor INSANO!
B-Jos.